Advocacy e Pesquisa

Coronavírus #6 : Maiores afetados por Covid-19, SP e RJ reduzem transparência

07 Maio de 2020, por OKBR

Compartilhar

Governo federal retrocedeu, deixando de atualizar boletim epidemiológico e com painel sobre vírus respiratórios fora do ar. SP e RJ concentram metade das mortes no país, perderam pontos nesta semana e estagnaram na categoria “Bom” há três avaliações.

Governo federal voltou ao nível “Médio”, com 57 pontos.
Desde a última semana, dobrou a proporção de estados que divulgam a quantidade de testes disponíveis. Taxa passou de 4% a 36% desde o primeiro boletim.
Com as melhorias implementadas pelo Acre, já não há mais nenhum estado na categoria “Baixo” do ranking de transparência.
Proporção de estados que não atingiram a categoria “Alto” ou “Bom” agora é de 36%. Taxa era de 90% na primeira avaliação.
Microdados já estão disponíveis em 12 estados, mas ainda em graus de detalhamento e padrões bastante distintos. OKBR disponibilizou sugestão de template para apoiar os gestores na publicação de microdados. 


Na sexta ediçao do boletim da covid-19, os destaques vão para os estados de SP e RJ, que juntos concentram metade dos óbitos por Covid-19 confirmados no país, e que estão estagnados quanto a transparência dos seus dados sobre a pandemia. Desde a segunda semana de avaliação, os estados permanecem na categoria “Bom” – que vai de 60 a 79 pontos. Com isso, São Paulo tem agora à sua frente no ranking outras 15 unidades da federação. O estado ainda não abriu seus microdados e segue divulgando apenas dados agregados por cidade, sem detalhamento dos casos nem atualização da ocupação de leitos hospitalares ou da quantidade de testes.

O Rio de Janeiro também impõe dificuldades para quem necessita utilizar os dados do estado. Com um painel de dados em constante modificação e uma base de microdados confusa e remoção de dados sem explicação.
Neste boletim, o Governo Federal volta ao nível “Médio” de transparência, despencando cinco posições no ranking. A União não registrou nenhum avanço ou retrocesso significativos na disponibilização de dados nacionais de Covid-19 até o presente momento.

Entre o motivos para a queda destes estados e do governo federal no ranking, está o avanço dos demais estados, notadamente pelo aumento da publicação de microdados. Veja o cenário atual no mapa abaixo:

Confira abaixo a evolução de cada estado em comparação com avaliação realizada na semana anterior. A quinta rodada de avaliações foi feita a partir dos dados disponíveis na noite de 6 de maio.

A 7ª avaliação está prevista para o próximo dia 14 de maio.


Downloads:

#6 Boletim completo do Índice de Transparência Covid-19

Base de dados completa com a avaliação detalhada de cada ente.

Nota metodológica com o detalhamento dos critérios de avaliação.

Mais informações no site: transparenciacovid19.ok.org.br


Notice: Undefined variable: mesmoeixo in /var/www/ok.org.br/wp-content/themes/okbr/single-noticia.php on line 53