Inovação Cívica

Quer saber como foi o Open Data Day 2020 em São Paulo? Veja todos os detalhes

13 mar de 2020, por Ariane Alves

Compartilhar

No último sábado, 7 de março, paulistanos de diversas áreas do conhecimento se reuniram no Goethe-Institut São Paulo para aprender, debater e explorar o uso de dados abertos sobre o Poder Legislativo local. Contamos a seguir todos os detalhes da atividade.

Perfil dos inscritos

Analisando o perfil das pessoas interessadas, podemos ver um equilíbrio de gênero e a predominância de analistas de dados e desenvolvedores(as) entre as principais atividades desempenhadas.

Perfil dos inscritos por gênero

Obs: 6ª linha: “Conhecimento sobre o tema (legislativo, política)”, 8ª linha: “Base da Receita Federal, 10ª linha: “Urbanismo”

O evento

Palestras – na parte da manhã, os participantes puderam aprender mais sobre diversas possibilidades de uso dos dados do Poder Legislativo em São Paulo – do perfil demográfico dos eleitores de alguns deputados às possibilidades de investigações a partir do cruzamento de dados empresariais, passando pelas principais barreiras de abertura e as plataformas disponíveis para auxiliar os(as) analistas de dados.

Veja a seguir a grade de palestras:

Explorando os Dados do TSE via CEPESP-DATA

Com Lara Mesquita e Guilherme Russo, cientistas políticos do CEPESP da FGV

Parlametria: inteligência de dados para ação cidadã

Com Ariane Alves e Fernanda Campagnucci, da Open Knowledge Brasil

Entrevistando a base de dados de empresas para encontrar conexões com o legislativo

Com Marcelo Soares, jornalista de dados, fundador da Lagom Data

Desafios dos dados abertos do legislativo estadual e municipal

Com Pedro Markun, coordenador de inovação do mandato da deputada estadual Marina Helou (Rede)

Chuva de ideias

As apresentações geraram um engajamento muito proveitoso entre os presentes. Como produto, encerramos a primeira parte com uma lista de possibilidades para utilizar os dados abertos do legislativo em análises e investigações, como mostra a imagem abaixo:

Mãos à obra!

A segunda etapa do Open Data Day São Paulo teve muita mão na massa. Seguindo a linha do que foi levantado previamente, os participantes se dividiram em grupos para seguir algumas ideias. Os temas escolhidos, bem como os slides usados nas apresentações da primeira etapa de atividades, podem ser conferidos no repositório que criamos para o ODD 2020 no Github.

Relatos da comunidade

Em eventos como o Open Data Day – um único dia dedicado a falar sobre dados abertos -, tão importante quanto explorar bases de dados é a troca de experiências que se faz ao longo das atividades, que geram impressões diferentes em cada um dos participantes. Um exemplo é este texto da analista de dados Beatriz Yumi, que traz um detalhado relato de como foi sua experiência no evento, além das análises que desenvolveu a partir da API do CEPESP. Vale a leitura!

 


Notice: Undefined variable: mesmoeixo in /var/www/ok.org.br/wp-content/themes/okbr/single-noticia.php on line 53